Nova Andradina - MS Busca
Saúde

Mulher com Covid morreu depois de cesariana de risco em Dourados

09:39 - 04 jul 2020 | Por MS EM FOCO

Agora a criança prematura luta pela vida na UTI do Hospital Universitário. (Foto: Ilustração)

A Secretaria Estadual de Saúde (SES), confirmou na tarde desta sexta-feira (3) que uma paciente de 33 anos que morreu na última quarta-feira, depois de fazer uma cesariana de urgência, teve o resultado para Covid 19 positivo e seria o 32º caso de morte pela doença na cidade.

Moradora no Jardim Canaã III na periferia da cidade, ela estava internada no HU-UFGD (Hospital da Universidade Federal da Grande Dourados), e com a piora do quadro, os médicos resolveram fazer uma cesariana de urgência na esperança de salvar a criança.

De acordo com o site Midiamax a paciente era hipertensa, diabética e também tinha asma e obesidade mórbida deu entrada na unidade hospitalar no dia 28 de junho, com tosse e dificuldades para respirar. Ela foi levada para uma ala destinada a casos suspeitos de coronavírus.

Na quarta-feira, o plantonista do HU determinou que ela fosse transferida para um leito de UTI, mas especialistas decidiram pelo procedimento do parto. Em seguida o bebê foi retirado e a paciente teve uma parada cardiorrespiratória e morreu. Prematuro de 31 semanas, o bebê está internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) Neonatal do HU-UFGD, em estado grave.

Dados divulgados pela Prefeitura, também mostram que a cidade continua em surto, com 2.869 casos confirmados. Desse total, 1.314 estão em isolamento domiciliar e 1.496 já foram recuperados. Os números também mostram que 43 pessoas estão internadas em leitos hospitalares.